CSRF Como Informar na DCTF as Retenções

CSRF Como Informar na DCTF as Retenções. Blog Contabilidade.

A Receita Federal do Brasil, publicou em 22/06/2015 no Diário Oficial da União a Lei nº 13.137, de 19 de Junho de 2015, que altera os artigos 31 a 35 da Lei nº 10.833/03 sobre as regras para a retenção das Contribuições Sociais Retidas na Fonte CSRF.

De acordo com a Lei nº 13.137/15, fica dispensada a retenção da CSRF de valor igual ou inferior a R$ 10,00 (dez reais), exceto na hipótese de Documento de Arrecadação de Receitas Federais DARF eletrônico efetuado por meio do Siafi.
A lei ainda trouxe a mudança na data do recolhimento das referidas retenções, que, deverão ser recolhidos ao Tesouro Nacional pelo órgão público que efetuar a retenção ou, de forma centralizada, pelo estabelecimento matriz da pessoa jurídica, até o último dia útil do segundo decêndio do mês subsequente àquele mês em que tiver ocorrido o pagamento à pessoa jurídica fornecedora dos bens ou prestadora do serviço.
Mas, como informar na DCTF as retenções efetuadas após a publicação da lei?
A tabela de códigos de DARF sofreu alterações, sendo incluídos os seguintes códigos e variações para atender a mudança na legislação:
– 5952-07 – CSLL, Cofins e PIS Retenção de Contribuições sobre Pagamentos de PJ a PJ de Direito Privado;

– 5960/07 – Cofins Retenção sobre Pagamentos de PJ a PJ de Direito Privado amparada por medida judicial;
– 5979/07 – PIS Retenção sobre Pagamentos de PJ a PJ de Direito Privado amparada por medida judicial;

– 5987/07 – CSLL Retenção sobre Pagamentos de PJ a PJ de Direito Privado amparada por medida judicial;
Portanto, a partir da DCTF de Junho/2015, em relação as Contribuições Sociais Retidas na Fonte, as empresas devem utilizar os códigos acima para as retenções sofridas após a publicação da Lei.

Entretanto, a versão 3.2 da DCTF não contempla os novos códigos, sendo necessário o usuário atualizar a tabela de códigos de forma manual. Abaixo, demonstrarei como criar esses códigos para o correto preenchimento e transmissão da DCTF. Pegaremos como exemplo o Código 5952-07:
1 Na DCTF, o usuário deve clicar no menu “FERRAMENTAS > MANUTENÇÃO DA TABELA DE CÓDIGOS”;

2 Clicar no menu “CSRF” e clicar no botão Incluir;
3 Preencher os campos conforme tela abaixo:
Após o cadastramento dos novos códigos de receita, o contribuinte pode dar continuidade ao preenchimento da DCTF, atentando-se para a variação “07”, conforme abaixo:

Para os demais códigos de receitas existentes e que não estejam contemplados na DCTF, o processo é o mesmo.