Dicas IR Imposto de Renda: Dicas importantes para não cair na malha-fina

Quem já está habituado a declarar o imposto de renda todos os anos conhecem bem estas dicas, contudo nunca é pouco, relembrar algumas dicas importantes para não cair na malha-fina e ter muita dor de cabeça depois.

carnê-leão, Consulta lote 4, Correção da Tabela de IR, declaração de imposto de renda 2011, Decçaração de Imposto de Renda 2012, Dicas Fisco Imposto de renda, sobre renda IR 2012, Restituição, Retificação, Tabela do Imposto de Renda 2011,Tabela do Imposto de Renda 2012Dica nº 1 – Separe todos os documentos

– Recibos referentes as despesas relativas à saúde e educação, previdência privada (se tiver), junte também os gastos com dependentes, pagamentos de profissionais liberais, documentos relativos a venda e aquisição de bens bem como os ganhos de capital e etc.

Dica nº 2 – Fique atento ao formulário!

– A partir do dia 1º de Março, aqueles que são obrigados a declarar já podem prestar contas ao “Leão” por meio de formulários eletrônicos ou nas agencias bancarias correspondentes.

Dica nº 3 – Não deixe para ultima hora!

– É importante preparar a declaração de imposto de renda com antecedência, pois se houver algum erro, ainda haverá tempo para fazer as correções. Quanto antes declarar melhor é. Não se esqueça que a multa mínima para quem não declarar na data é de R$ 165,74.

Veja aqui quais documentos são necessários para fazer a sua declaração de Imposto de Renda:

    • RG
    • CPF
    • Título de Eleitor
    • Comprovante de endereço
    • Documento ou anotação em carteira de trabalho que conste a sua profissão
    • Cartão do banco para informar o número de sua conta para receber a restituição

Saiba quais comprovantes você vai precisar para declaração do Imposto de Renda:

  • Copia da declaração do IR 2010 (ano anterior); isto vai facilitar na hora de preencher sua declaração
  • Comprovantes de rendimentos de instituições financeiras que possuir conta (seu banco deverá te enviar)
  • Relação de compra e venda de ações, inclusive com a apuração mensal de imposto
  • Comprovante de rendimentos (holerites de salários, distribuição de lucros, aluguéis, entre outras fontes de renda)
  • Outras rendas recebidas em 2010, como herança, doações, indenizações por ação, resgate do FGTS
  • Documentos da aquisição de dívidas em 2010
  • Recibos de venda ou compra de bens, como carros e imóveis, ocorridos em 2010
  • Comprovante de pagamento de previdência social e privada (é necessário informar o CNPJ)
  • Recibo de despesas médicas e odontológicas (é necessário informar o CNPJ)
  • Recibos de pagamentos de plano de saúde (é necessário informar o CNPJ do convênio)
  • Recibos de despesas com educação (é necessário informar o CNPJ)
  • Comprovante de doações realizadas
  • Recibos de empregada doméstica

Observação: só é possível deduzir os gastos com uma única funcionária e é preciso informar número NIT

É importante que os contribuintes se organizem durante todo o ano para evitar correria na hora de fazer sua declaração.